3 dias em Bariloche

16:08:00

Aqui vão algumas dicas do que achei mais legal no roteiro dessa viagem. Nosso tour na verdade começou em Santiago. De lá seguimos para região dos Lagos Andinos (post anterior) e de Puerto Varas decidimos pegar um ônibus para Bariloche. Uma outra forma de realizar esse percurso seria através da travessia de barco do Chile para Argentina, a famosa Cruce de Lagos. Mas esse passeio levaria dois dias, é caro e um pouco cansativo. Optamos por conhecer os lagos do lado chileno e argentino separadamente, e então fizemos a travessia  de ônibus (apenas 5 horas de viagem).  O trajeto é bem tranquilo e com paisagens belíssimas durante todo o caminho.







Chegamos em nosso hotel www.designsuites.com no final da tarde e após o check in ainda fomos conhecer o centrinho da cidade. Uma delícia caminhar pela rua principal da cidade - Calle Mitre. Aqui é o melhor lugar para trocar os seus dólares por pesos argentinos (traga notas altas, que são melhor aceitas).









No dia seguinte fomos conhecer o Cerro Campanário. A vista logo na subida do teleférico é deslumbrante e quando chegamos no alto o que vemos deixa qualquer um de de boca aberta! Um verdadeiro espetáculo da natureza.








Em seguida optamos por fazer  o Circuito Chico - passamos pelo hotel Llao Llao e em Puerto Pañuelo pegamos o barco que faz o passeio pelo Lago Nahuel Huapi e vai até o parque de mesmo nome, com duração de uma tarde. Neste passeio o barco faz duas paradas e podemos descer para conhecer a Isla Victória e o Bosque de Arrayanes. São lugares incríveis e que não devem ficar de fora do roteiro.

















Outra dica que deixo aqui para quem estiver com um pouquinho de tempo a mais é conhecer um pequeno vilarejo que fica a cerca de 80km de Bariloche - Villa La Angostura. O trajeto pela margem contrária do lago é belíssimo. Confesso que não tem muita coisa para se fazer, mas vale pelo aconchego e bela vista do local. Ali há uma famosa estação de ski, opção interessante para quem não quer o agito do Cerro Catedral.





Agora sim o mais legal da viagem!! Se puder reserve um dia inteiro para conhecer o Cerro Catedral - uma das principais estações de ski da cidade. Infelizmente fomos em outubro e as pistas de ski para turistas já estavam fechadas - elas funcionam até a segunda quinzena de setembro. Mesmo assim ainda tem muita neve e bastante diversão  para as crianças - como escorregar em boias gigantes. E isso sem falar na vista incrível que temos da cordilheira durante a subida de teleférico. Na verdade nesta época do ano apenas turmas formadas por alunos das escolas da região conseguem ter aulas com instrutores para aprender a praticar o esporte. 







No último dia ainda tivemos tempo de conhecer a linda Catedral de Bariloche e de comer um delicioso Ojo de Bife no famoso restaurante El Boliche de Alberto www.elbolichedealberto.com. Vale conferir! Sem dúvida uma das melhores carnes que já comi. A culinária por aqui é excelente, outro restaurante imperdível é o Altar del Fuego. E mais uma vez na hora de votar para casa o coração fica apertadinho e cheio de vontade de ficar mais uns dias...mais uma daquelas viagens que vai deixar muita saudade!! Mas antes uma despedida caprichada na piscina do nosso hotel...






You Might Also Like

2 comentários

Popular Posts